sexta-feira, 06 dezembro 2019, 18:38
Início Notícias variedades Especialista fala sobre adoção da acupuntura em tratamentos odontológicos

Especialista fala sobre adoção da acupuntura em tratamentos odontológicos

A acupuntura é uma técnica milenar, da Medicina Tradicional Chinesa, e que tem encontrado na medicina ocidental cada vez mais aplicações e benefícios.

A é utilizada há aproximadamente 4500 anos na China e desde que chegou no Brasil, vem se popularizando em diversos segmentos na área da saúde, inclusive na odontologia, o que levou o CFO (Conselho Federal de Odontologia) no ano de 2008 a certificar e regulamentar o uso da acupuntura em tratamentos odontológicos. Mas quais seriam os benefícios da acupuntura no âmbito da odontologia?

Procurando trazer inovações e mais opções de tratamentos para os seus pacientes, o especialista Dr. Eduardo Nakanishi tem aliado as técnicas tradicionais da odontologia à acupuntura, em especial para auxiliar no alivio da dor, como complemento à anestesia, além de outras aplicações: “importante ressaltar que, embora estejamos no âmbito da odontologia, as agulhas não são aplicadas na boca do paciente ou nas gengivas, mas nos pontos de alívio da dor indicados pela Medicina Chinesa no corpo, nos pontos de distribuição de energia.

A acupuntura pode ser um auxílio importante na obtenção de alívio da dor durante procedimentos odontológicos. Além disso, a técnica também é indicada para pacientes ansiosos, estressados e com fobia ao tratamento odontológico, com “medo” da cadeira do dentista, bem como para pacientes hipertensos e portadores de doenças sistêmicas”.

Estudos diversos apontam que a técnica chinesa é utilizada com sucesso na indução de anestesia necessária em alguns procedimentos cirúrgicos, periodontais ou restauradores e no controle de complicações pós-cirúrgicas: “ao utilizar a acupuntura em pontos específicos de relaxamento, conseguimos potencializar o efeito da anestesia, que alcança assim mais profundidade, o que requer menor quantidade aplicada para alívio da dor”.

O especialista detalha em quais tipos de procedimento a técnica tem sido usada com sucesso em seu consultório: “É utilizada em diversos contextos, em  endodontia, periodontia e durante as cirurgias, por ser menos traumático que a anestesia convencional. Também é coadjuvante no tratamento da ATM (articulação têmporo-mandibular), do trismo (contratura dos músculos mastigadores), bruxismo (ranger de dentes), além de outras sintomatologias mastigatórias miofaciais, em especial no controle da dor”.

- Advertisement -

Deixe seu comentário

Últimas notícias

Tambaqui será destaque na FIESP

O Tambaqui e outros produtos de Rondônia serão apresentados para empresários paulistas na ação denominada “Rondônia Day”. O evento será realizado...

Brasil bate recorde de medalhas e fecha Pan em 2º após 56 anos

A delegação brasileira enviada para competir nos Jogos Pan-Americanos deixam a cidade de Lima com a melhor participação da história na competição...

Bolsonaro diz que Alemanha queria comprar a Amazônia

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou, neste domingo (11), que o Brasil não precisa do dinheiro da Alemanha para preservar a...

Governo alinha ações para criar nova feira de agronegócio e exposições em Porto Velho

Conhecido pelas grandes feiras agropecuárias no interior e até internacionalmente através da Rondônia Rural Show, o Estado agora busca dar a população...

Morador de Monte Negro descobre estar com câncer após imigrar para os EUA

Amigos e familiares de Josias Marques da Silva de 34 anos levantaram uma campanha de ajuda de custo na internet para...