quarta-feira, 20 novembro 2019, 00:40
Início Notícias Destaque Após sobrevoar 8,8 mil km², FAB suspende buscas por avião que sumiu...

Após sobrevoar 8,8 mil km², FAB suspende buscas por avião que sumiu há 30 dias

A Força Aérea Brasileira (FAB) suspendeu, nesta terça-feira (28), as buscas pelo avião que desapareceu há 30 dias durante um voo de Rondônia para o Ceará.

As buscas se concentravam, desde a semana passada, em uma área de mata fechada na divida dos estados de Mato Grosso e Pará.

Segundo a FAB, o órgão cumpriu todos os padrões de busca, dentro dos protocolos internacionais, em uma área total de 8.887 km². Isso equivale a cerca de 1 milhão de campos de futebol.

Boa parte das buscas pela aeronave, de prefixo PU-PPY, se concentrou entre os municípios de Nova Guarita (MT) e Redenção (PA). Conforme a FAB, a área de buscas é de mata fechada e isso dificulta qualquer observação visual pelas equipes.

A busca pelo avião envolveu 15 militares e foi coordenada pelo Centro de Coordenação de Busca e Salvamento de Manaus (Salvaero).

As duas pessoas que viajavam no avião seguem desaparecidas, sendo o piloto Haiub Cordeiro Junior, e o passageiro Joerli Silvares.

O que se sabe sobre o sumiço do avião:
A aeronave de pequeno porte decolou de Espigão D’Oeste em 28 de abril com destino a Fortaleza.
Haiub Cordeiro Junior era o piloto do avião; com ele também viajava Joerli Silvares, de 34 anos.


A família diz que o piloto pretendia abastecer o avião em Redenção, no Pará, e fez um último contato ao meio-dia de 28 de abril.
Ao notarem a falta de contato de Joerli, os parentes fizeram buscas por conta própria, quando alugaram um avião e sobrevoaram a região de Peixoto de Azevedo, no Mato Grosso (MT).
Sem sucesso nas buscas, a família acionou a Força Aérea Brasileira (FAB) sobre o sumiço do avião.


Há duas semanas as buscas foram suspensas temporariamente devido a um problema na aeronave da FAB.
Na última semana as buscas pelo avião retornaram e ficaram concentradas na divisa do Pará e Mato Grosso.


Sem encontrar pistas do avião, a FAB encerrou as buscas em 28 de maio.
Segundo registro na ANAC, o avião tem autorização para levar passageiro, apenas não podendo ser usado para táxi aéreo. Fonte: G1

- Advertisement -

Deixe seu comentário

Últimas notícias

Tambaqui será destaque na FIESP

O Tambaqui e outros produtos de Rondônia serão apresentados para empresários paulistas na ação denominada “Rondônia Day”. O evento será realizado...

Brasil bate recorde de medalhas e fecha Pan em 2º após 56 anos

A delegação brasileira enviada para competir nos Jogos Pan-Americanos deixam a cidade de Lima com a melhor participação da história na competição...

Bolsonaro diz que Alemanha queria comprar a Amazônia

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou, neste domingo (11), que o Brasil não precisa do dinheiro da Alemanha para preservar a...

Governo alinha ações para criar nova feira de agronegócio e exposições em Porto Velho

Conhecido pelas grandes feiras agropecuárias no interior e até internacionalmente através da Rondônia Rural Show, o Estado agora busca dar a população...

Morador de Monte Negro descobre estar com câncer após imigrar para os EUA

Amigos e familiares de Josias Marques da Silva de 34 anos levantaram uma campanha de ajuda de custo na internet para...